Cotar Agora
Home / Pricípios ativos / Orlistat

Orlistat

( Anticolesterolêmico , Controle de peso e Tratamento da obesidade )

Formas de Administração

Uso Oral

Controlado?

Não

Tipo de Receita

Receita Simples (branca, 1 via)

Manipulado

Cápsulas

O Orlistat é um princípio ativo indicado para o tratamento de pacientes com sobrepeso ou obesidade, em conjunto com uma dieta de baixa caloria. Orlistat inibe uma enzima envolvida durante o processo de digestão, impedindo quer cerca de 30% da gordura ingerida seja absorvida em cada refeição. Seu mecanismo de ação é eficaz no controle de peso em longo prazo e fatores associados como colesterol alto no sangue, pré diabetes, diabetes tipo 2, insulina alta no sangue e pressão alta. O efeito de Orlistat pode ser sentido em 24 a 48 horas após o uso.

Como usar?

A dose diária recomendada de orlistate é de uma cápsula de 120mg, tomada, por via oral, durante ou até uma hora após cada uma das três refeições principais. Tome a cápsula com um pouco de água. Caso você não faça uma refeição ou sua refeição não contenha gordura, você não precisará tomar o medicamento. Orlistate deverá ser associado a uma alimentação com leve redução de calorias. No máximo 30% dessas calorias devem ser provenientes de gorduras. Você deve distribuir bem sua ingestão diária de gorduras, carboidratos e proteínas entre as três refeições principais. Estudos mostraram que doses maiores que 120mg, três vezes ao dia (3 cápsulas ao dia), não demonstraram qualquer benefício adicional, portanto, não tome doses maiores do que as prescritas pelo seu médico. O efeito do orlistate geralmente pode ser verificado em 24 a 48 horas após sua administração. A perda de peso e os benefícios decorrentes do uso de orlistate começam, geralmente, dentro das primeiras duas semanas de tratamento.

Restrições de uso

Uso adulto

Orlistate possui as seguintes interações medicamentosas: redução dos níveis sanguíneos de ciclosporina durante a administração concomitante com orlistate. Redução do efeito terapêutico da amiodarona foi observada durante a administração concomitante com orlistate. Alguns casos de convulsão foram relatados em pacientes em tratamento concomitante de orlistate e medicamentos antiepilépticos. Diminuição da absorção das vitaminas D, E e betacaroteno foi observada quando administradas em conjunto com orlistate. Se um suplemento multivitamínico for recomendado, deve ser tomado pelo menos duas horas depois da administração de orlistate ou na hora de dormir.

Contraindicação

Orlistate é contraindicado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista. Informe ao seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após seu término.

Observações

“ORLISTATE É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA” VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA. Siga SEMPRE as orientações do seu médico. Evite a auto-medicação. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”.

Efeitos Colaterais

O efeito adverso mais comum é ocorrer episódios de diarreia e similares. Devido a sua ação na evacuação da gordura, também podem ocorrer episódios de evacuações oleosas, gases com perdas oleosas, urgência para evacuar, aumento das evacuações, desconforto/dor abdominal, gases, fezes líquidas.

Bibliografia

LIPOXEN. Laboratório Brainfarma. Bula do medicamento. Disponível em: http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/index.asp. Acesso em junho de 2017.