Cotar Agora
Home / Pricípios ativos / Estanozolol

Estanozolol

( Esteróide anabólico e Hormônios Anabolizantes )

Formas de Administração

Uso Oral

Controlado?

Sim

Tipo de Receita

Receita de Controle Especial (branca, 2 vias)

Manipulado

Cápsulas

Estanozolol é um hormônio anabolizante sintético derivado da testosterona com ação estimuladora da síntese de proteínas. Seu uso é comum por atletas amadores e profissionais para melhorar o físico, desempenho atlético, aumentando a massa muscular, força e resistência. Seu efeito permanece durante 2 ou 3 semanas e promove aumento da força sem ganho de peso em excesso. O Estanozolol é também utilizado para o tratamento de doenças diversas como Angiodema hereditário, anemias, para o tratamento de câncer de mama em mulheres pós-menopausa e também em uso veterinário para animais debilitados e muito magros, estimulando o apetite. Estanozlol é uma substância geralmente banido do uso em competições esportivas sob as regras da International Association of Athletics Federations (IAAF).

Como usar?

Recomenda-se a utilização de 50 a 100mg de estanozolol até três vezes ao dia.

Restrições de uso

Uso adulto

A administração simultânea de estanozolol com hormônio adrenocorticotrófico ACTH ou corticosteróides podem provocar edema ocasionalmente. No tratamento com anticoagulantes, pode registar o aumento da resposta a estes fármacos, de modo que pode ser necessário reduzir a dose para obter o mesmo efeito terapêutico.

Contraindicação

O uso de estanozolol é contraindicado para mulheres. Contraindicado na gravidez e amamentação. Não use este medicamento se você tem ou teve câncer de próstata.

Observações

Siga SEMPRE as orientações do seu médico. Evite a auto-medicação. “ESTANOZOLOL É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA” VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA. SÓ PODE SER VENDIDO COM RETENÇÃO DA RECEITA. Este medicamento pode causar doping. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”.

Efeitos Colaterais

Estanozolol têm a capacidade potencial de produzir efeitos masculinizantes em mulheres. O tratamento deve ser rigorosamente controlado pelo médico. Outras reações adversas observadas são: perda da libido, acne, enjoo, queda de cabelo, ansiedade, vômitos, dificuldade para dormir, hepatite medicamentosa. A longo prazo, estanozolol pode fazer com que o organismo deixe de produzir o hormônio testosterona causando engrossamento da voz e pelos, hipertrofia clitoriana, alterações no ciclo menstrual.

Bibliografia

FERREIRA, N. A. et al. Estudo dos efeitos provocados pelo uso do anabolizante estanozolol. Brazilian Journal of Surgery and Clinical Research – BJSCR. Vol.7,n.3,pp.17-23 (Jun-Ago 2014). Disponível em: http://www.mastereditora.com.br/periodico/20140731_235533.pdf. Acesso em julho de 2017. STANOZOL. Material técnico. Disponível em: http://www.dietaja.org/anabolizantes/stanozolol/. Acesso em julho de 2017. WINSTROL .Laboratório Zambon, S. A- Santa Perpetua de Mogoda - Barcelona. Bula do medicamento. Disponível em: http://www.reisinfor.com.br/ebook514/Dieta%20Exercicios/Guia%20de%20Muscula%C3%A7%C3%A3o%20com%20e%20sem%20anabolizantes/Bulas.pdf. Acesso em julho de 2017.