Home / Pricípios ativos / Agaricus muscarius

Agaricus muscarius

( Homeopatia )

Cotar Agora

Formas de Administração

Uso Oral

Controlado

Não

Tipo de Receita

Receita Simples (branca, 1 via)

Manipulado

glóbulos, cápsulas

Indicação


Adequado às pessoas de cabelos claros, pele e músculos frouxos; pessoas idosas com circulação fraca e indolente. Predomínio no homem. Agravação com sol e após estudar, melhora à noite; Alegria imoderada alternando com melancolia; alegria que se transforma em sofrimento; Ansiedade quando felizes; Assombramento constante; Atração forte por café; Aumento da força física; aumento do apetite após comer, porém, sem gosto; Ausência de sentimento de culpa (remorso); ausência de prazer; ausência de religiosidade; Autoritarismo; Aversão à comida, mesmo com fome; Canto como escapatória; Crianças atrasadas em seu desenvolvimento, com comportamento tonto; Crises de choro espasmódico; Dança grotesca, sem motivo concreto; Delírios com exaltação religiosa; Delírio com constante desvario; Dependente, choroso, tendência a depressão; Depressão mental com indiferença ao trabalho; Desconhecimento de pessoas próximas; Desejo de ajudar pessoas em condições fatais; desejo sexual aumentado pela manhã; Estímulos leves aumentam a alegria, a coragem, a loquacidade e as fantasias; Estudos prolongados geram transtornos; Expressão facial em caretas; Êxtase; S.M.R. (desdobramento); Falta de paixão, desejo, apetite sexual; Grita e quer ferir-se nos delírios; nos delírios faz versos e profetiza; Hiperatividade cessada com o sono; Imagina ser um comandante diante da tropa; Impulso para rir; impulsos infantis; Inabilidade com as mãos; Incerteza no andar, tropeça em tudo o que encontra pelo caminho; Medo de câncer e de ficar louco; Movimentos constantes com a cabeça; Não responde questionamentos; não guarda segredos; não cria vínculos, raízes; não consegue ocupar a mente; Necessidade de estar na cama; necessidade extrema de organização; necessidade de comando; Noção de grandeza e poder; Obstinação, irritação; Percepção dos objetos distorcida; Percorre os lugares mais perigosos; Perda da noção de tempo, espaço e do ´eu´; Períodos de mutismo, principalmente pela manhã; Piadas sobre tudo e sobre todos; Postergando sempre; Recusa contestar, medo de sofrer vingança; Retardo geral: andar, falar, aprender; Sensação de gelo tocando na pele ou agulhas frias de gelo perfurando a pele; Sensação de que algo desagradável estar por acontecer, de ter o corpo mutilado, de estar embriagado, de ter ouvidos e nariz congelados, de insetos correndo sobre a pele, de estar diante do inferno; de que o corpo está definhando; Sensibilidade às injustiças; Sente-se incorpóreo, não tolera alimentos; Sentimento doloroso de decadência; Sonhos desagradáveis; Tendência a mutilar-se Tenta sair da cama durante febre; Tiques nervosos; Tremores e sacudidas pelo corpo; Tristeza por coisas banais. Aftas; Alcoolismo; Andar inseguro, trôpego; Ardência, prurido, vermelhidão em várias partes do corpo; Bocejos intensos; Borborigmos com emissão de gases inodoros (quentes); Calafrios pelo corpo, de cima para baixo; Calcanhar dolorido; Catarro; Coluna sensível ao toque; rígida; Contrações musculares ou trejeitos, por afecções na coluna; contração nas pálpebras e globos oculares; Convulsões epilépticas por suspensão do leite, de erupções, excitação ou susto; Coordenação motora difícil; Couro cabeludo com erupções; Diminuição dos reflexos; Dores abdominais violentas, com necessidade urgente e ineficaz de evacuar; Dores como se tivesse levado uma surra ao ficar em pé; dores acompanhadas por sensação de frio; Dor de cabeça em bêbados; dor de cabeça indo para a raiz do nariz; dor de cabeça com epistaxe; Dor na uretra durante o coito; Dor umbilical ao acordar; Dormência e pinicação; Eczema com crostas; Enjôos; Epilepsia por erupção suprimida; Eructos com sabor de maçã; Espasmos faciais; Espinha pressionada por risos involuntários; Fadiga cerebral; Fígado dolorido; Frieiras que coçam e ardem de modo intolerável; Formigamento e ardência nos músculos glúteos; Impotência; Irritação espinhal por excessos sexuais; Leitura difícil (letras parecem se mexer); Lesões cutâneas; Leucorréia abundante¸escura, sanguinolenta e escoriante; Língua tremula; Membros entorpecidos; Menstruação piora todo o quadro; Movimentos involuntários enquanto acordado (de simples movimentos a repuxões por todo o corpo); Náuseas; Nervos frágeis; Olhos com movimentos espasmódicos (pêndulos); Ouvidos com coceira e queimação; Pênis frio, flácido, com retração dos testículos; Peito com opressão e constrição; Perda de apetite após o coito; Prolapso pós-climatérico, dor que força para baixo; Prostração nervosas após excessos sexuais; Prurido intenso; prurido com ardência e vermelhidão; Sensibilidade extrema ao frio; sensibilidade ao toque; Seqüelas nervosas por excesso sexuais; Sonolência antes, durante e após comer; sonolência de dia, insônia à noite com despertar freqüente; Suores noturnos e ao entardecer; Tosse violenta terminando em espirros, com expectoração de muco semelhante a pus; Tremores por todo o corpo; Úlceras; Vertigem seguida de estupor; Vômitos.

Posologia


-

Restrições de uso


Uso adulto e Pediátrico

Interação Medicamentosa


-

Contraindicação


-

Observações


-

Reações Adversas


-

Bibliografia


1. https://www.abrahcon.com/materia-medica/pt/agaricus-muscarius-7