O carnaval se foi e as dietas voltaram com tudo! Porém, com a correria do dia a dia, por mais que você siga uma dieta balanceada, é quase impossível conseguir consumir todos os nutrientes que o seu corpo precisa para ganhar massa muscular.
Por isso, para complementar a alimentação é recomendada a ingestão dos suplementos nutricionais, que podem ser manipulados, de acordo com a sua necessidade e preferência.
Nessa busca pelo corpo sarado, os suplementos manipulados se tornam essenciais, já que têm como objetivo suprir as necessidades do corpo, além de aumentar a força para realizar os treinos pesados.
Nas academias, os suplementos manipulados são usado por aqueles que praticam exercícios físicos e buscam auxiliares na perda de peso e no crescimento dos músculos.

Segundo o nutricionista Paulo Augusto de Souza: “Primeiramente, é importante lembrar que cada suplemento nutricional é indicado de acordo com a necessidade de cada pessoa, levando em conta os exercícios físicos que serão feitos junto com a suplementação. Cada suplemento possui uma composição e um intuito em cada organismo”.
O nutricionista ainda ressalta a importância do exercício físico para um resultado eficaz: “Muitas pessoas acreditam que os resultados dos suplementos nutricionais são eficazes apenas em seu uso individual, mas não é assim. Eles funcionam, mas é necessário associar ao treino para obter resultados positivos”.
Mas afinal, qual o melhor suplemento para ganhar massa muscular? A equipe do 99fórmulas separou os principais para você que deseja perder os quilos a mais do carnaval e ganhar massa muscular.

Confira abaixo:

1

Whey Protein Isolado (WPI)

O Whey Protein Isolado é um suplemento nutricional de recuperação pós-exercício. É utilizado após um estresse físico intenso, quando as células se transformam em esponjas para absorver os nutrientes.
Ele possui maior concentração de proteínas e pode chegar a zero a quantidade de carboidratos e gordura. Suas propriedades da rápida bio-disponibilidade fazem com que a recuperação e os ganhos musculares sejam completos, tornando-se uma ótima opção para quem está de dieta de redução calórica buscando emagrecer e definir os músculos.
2

Whey Protein Isolado (WPI)

O Whey Protein Isolado é um suplemento de recuperação pós-exercício. É nessa hora crítica, depois de um estresse físico intenso, que as células se transformam em esponjas para absorver os nutrientes.
Ele possui maior concentração de proteínas e pode chegar a zero a quantidade de carboidratos e gordura. Suas propriedades da rápida bio-disponibilidade fazem com que a recuperação e os ganhos musculares sejam completos, tornando-se uma ótima opção para quem está de dieta de redução calórica buscando emagrecer e definir.
3

Whey Protein Hidrolisado (WPH)

O Whey Protein Hidrolisado diferencia-se pelo processo de hidrólise enzimática (processo similar ao digestivo), ele é responsável por quebrar as cadeias proteicas, facilitando a absorção pelo organismo, além disso, ele promove retenção de nitrogênio, tornando-se um importante aliado ao crescimento muscular e perda de redução dos níveis de colesterol.
Por esse motivo, esse suplemento nutricional pode ser mais facilmente digerido, sem perder seu valor nutricional. Ele também promove melhora em quadros de hipertrofia muscular e a melhora do desempenho na realização de exercícios.
4

Aminoácidos de Cadeia Ramificada (BCAA)

Os BCAAs são uma espécie de transportadores de nitrogênio, responsável por atuar em conjunto com outros aminoácidos no processo de produção de novas fibras musculares (anabolismo). Eles são responsáveis por elevar os níveis de energia durante o treino, além de reduzir a fadiga física e mental e fornecer aminoácidos necessários para os músculos e estimular a síntese de proteínas.
Além disso, os BCAAs estimulam a produção de insulina, hormônio que promove a entrada de glicose e aminoácidos nas células, garantindo mais energia aos músculos durante o treino, ou seja, resultando em séries mais intensas e um treino mais longo e produtivo.
5

Ácido Alfa Cetoisocaproico (KIC)

O KIC, além de diminuir a fadiga ao fornecer aporte de aminoácidos para o músculo esquelético, que resulta uma melhor performance durante os exercícios, é responsável por promover o anabolismo proteico muscular, que diminui o grau de lesão muscular induzido pelos exercícios físicos.
Além disso, o KIC permite que o músculo utilize com mais eficiência a glicose, pois este inibe a formação de glicogênio.
6

Ácido Alfa Hidroxi Isocapróio (Hica)

O Hica é um importante aliado para diminuir a dor muscular, resultante dos treinos. Ele é muito utilizado para a hipertrofia muscular, e feito a base do ácido lêucico, metabólico do aminoácido Leucina, que potencializa o efeito anticatabólico, permitindo treinos mais pesados.
7

Folidrone

O Folidrone é recomendado para quem deseja queimar gorduras e aumentar a força muscular, portanto, é indicado para quem busca definição dos músculos. É um modulador natural da miostatina que é uma proteína capaz de limitar o aumento das fibras musculares.
Ele contém folistatina (proteína encontrada nos alimentos), creatina (aminoácidos que faz parte das fibras musculares) e epicatequina (antioxidante presente no chá verde que auxilia na quebra de gordura), apresentando efeito anabólico muscular maior que esteroides anabolizantes.
O Folidrone aumenta o potencial de ganho de massa muscular, força, aumento da resistência, vasodilatação, diminuição da fadiga.
8

Creatina

A creatina é um importante suplemento, com alto elevador de eficácia, quando utilizado de forma correta e com base no objetivo do paciente.
A principal função da creatina para quem treina com intensidade é fornecer energia para as contrações musculares, efeito que se dá pela sua conversão em fosfocreatina (ou creatina fosfato). Portanto, ela é responsável por aumentar a disponibilidade de energia para os treinos pesados.
9

Cafeína

A cafeína ajuda tanto no treino aeróbico quanto no anaeróbico, além de poder trazer benefícios também quando consumido após o treino, já que o seu consumo contribui para o transporte de glicose do sangue para os músculos, ajudando na recuperação muscular.
A cafeína causa a aceleração do metabolismo, que facilita a queima de gordura corporal e a produção de suco gástrico, ajudando na digestão. Também produz adrenalina, deixando nosso corpo em maior estado de alerta.
O efeito do aumento da queima de gordura do café favorece a perda de peso e o aumento da massa muscular, assim como melhora a sensação de fadiga no músculo depois da atividade física.
Em contrapartida, seu uso deve ser feito com moderação, pois pode causar dependência e alguns efeitos colaterais, como irritação e insônia.

Para obter resultados mais eficazes em seu treino, é importante ressaltar que você deve procurar acompanhamento com um especialista em nutrição, além do condicionamento físico. A personal trainer Nicoli Zanin ressalta: “O educador físico não pode entrar em assuntos que dizem respeito ao uso de suplementos nutricionais, a não ser que faça uma especialização em nutrição. Um trabalho depende do outro.”

É importante ressaltar que além de praticar exercícios, ter uma alimentação saudável também é essencial para que você tenha mais disposição e qualidade de vida. Você sabe quais são os nutrientes essenciais para nosso organismo? Confira clicando aqui.

Alguns itens importantes para manter uma vida saudável:

  • Foco no cardio – Os exercícios cardiovasculares são cruciais para manter o metabolismo em pleno funcionamento. Pratique-os!
  • Coma o café da manhã – Pular o café da manhã pode diminuir a capacidade do seu corpo a queimar gordura enquanto tenta conservar energia.
  • Coloque os exercícios físicos na agenda – Especialistas recomendam até uma hora de atividade para ver benefícios, por isso, mantenha o agendamento do seu treino durante a semana para garantir que você não perca.
  • Não pule refeições – Pular refeições pode enganar o seu corpo e levá-lo a acreditar que não está recebendo comida suficiente e que deve armazenar mais calorias quando é alimentado.
  • Desestresse – Tire alguns momentos para respirar profundamente ou aposte em uma sequência de ioga para manter o seu metabolismo em funcionamento.
  • Coma algo antes de dormir – Baixos níveis de açúcar no sangue fazem com que você tenha menos músculos, o que faz com que seu metabolismo se arraste. Por isso, mantenha-o ativo comendo algo (em pouca quantidade, um snack, por exemplo) antes de ir se deitar, para queimar calorias enquanto dorme.
  • Coma grãos integrais – Eles também são mais difíceis de mastigar, o que tornam o ato de comer mais difícil e aumentam a queima de gordura em 10%.
  • Aposte nos intervalos – Adicione intervalos de alta intensidade e queime mais calorias em cada sessão, e aposte também nas inclinações.
  • Não negligencie o treino – O treino é uma maneira poderosa de queimar gordura. Tenha como objetivo 120 minutos de exercícios de força por semana.
  • Beba mais água – Não beber água suficiente pode fazer com que você se sinta fadigado. Por isso, não se esqueça da sua garrafinha.
  • Durma tranquilamente – Para acelerar o metabolismo, prcure dormir de sete a oito horas por noite. Para garantir uma noite mais tranquila, você pode utilizar florais que auxiliam em uma noite tranquila de sono.
  • Reduza o consumo de carboidratos processados – Mantenha o seu metabolismo em movimento comendo pratos saudáveis e lanches que incluem proteína.

Está a fim de turbinar seu treino? O suplementos manipulado é uma ótima alternativa para promover mais disposição, ter uma vida mais saudável e ainda fazer economia e podem ser encontrados nas principais farmácias de manipulação.