Você sabia que a homeopatia pode te ajudar a emagrecer?

Sabemos que o processo de perda de peso não é fácil. Ele exige mudanças na rotina, incluindo atividades físicas regulares e uma alimentação mais saudável e em muitos casos, algumas pessoas não conseguem atingir seus objetivos, já que esse processo exige alguns sacrifícios.
Porém, é possível emagrecer equilibrando o seu organismo com o auxílio do tratamento alternativo da homeopatia.
Segundo o nutrólogo Emanuel Vieira: “A homeopatia é um tipo de tratamento auxiliar, que atua de maneiras específicas em cada paciente. Muitas vezes a dificuldade de perder peso não está ligada diretamente ao consumo excessivo de alimentos, mas sim a desequilíbrios no próprio organismo.”

 

Como a homeopatia ajuda no emagrecimento?

Primeiramente, vamos entender como surgiu a homeopatia no tratamento de perda de peso. Inventado no século XVI, esse tratamento alternativo visa não somente sintomas, mas tudo o que está em mal funcionamento em seu corpo, com o objetivo de equilibrar o que está em desequilíbrio, resultando assim, a perda de peso.
“O aumento de peso pode estar relacionado a problemas tanto de ordem sentimental quanto psicológica, o que exige o uso de homeopatia para emagrecer”, diz Emanuel.
A função da homeopatia é diminuir o impacto de fatores desfavoráveis no processo de perda de peso. Uma vez que você inicia o tratamento com a homeopatia, o médico fará a análise completo do seu quadro clínico para saber se você está abalado emocionalmente, ou seja, você terá um tratamento personalizado.
“Se o paciente estiver acima do peso e decidir fazer uso de um remédio para emagrecer, por exemplo, no caso de um tratamento homeopático, o médico vai procurar saber as razões que estão causando o sobrepeso, a partir de então, trataria a raiz do problema, o todo, receitando uma homeopatia para emagrecer”, completa o nutricionista.

 

A homeopatia para emagrecer é eficaz?

Sim. Segundo Emanuel: “A homeopatia trabalha de forma indireta no emagrecimento. Porém, é importante ressaltar que ela apresenta um resultado eficaz quando associada a exercícios físicos e dieta regulada, ou seja, equilíbrio do organismo.”
O nutricionista completa dizendo que “O tratamento consiste em olhar o paciente com individualidade, entendendo sua história de vida e hábitos. Quando o organismo volta a funcionar de maneira adequada, acontece o emagrecimento.”

 

Como funciona a homeopatia para emagrecer?

A homeopatia possibilita a produção de remédios de acordo com as particularidades de pessoas acima do peso, logo, é fundamental que as dosagens indicadas pelo médico sejam compatíveis com as suas características metabólicas.
Os medicamentos homeopáticos são uma alternativa para quem quer emagrecer. Com eles, é possível encontrar o equilíbrio físico, mental e emocional.
As fórmulas ainda aumentam a disposição, ajudam a diminuir inchaços e melhoram a performance do metabolismo, o que resulta na perda de peso.
Em situações nas quais o paciente sofre com problemas psicológicos (ansiedade, por exemplo), o tratamento homeopático pode contribuir no processo de equilíbrio emocional, ou seja, será tratada a raiz do problema.
Nesse momento, a homeopatia passa a ser uma alternativa para combater o sintoma e reequilibrar a saúde do paciente.
Além disso, os medicamentos usados na homeopatia são compostos por substâncias extremamente diluídas. Dessa maneira, as propriedades nocivas são neutralizadas e seu poder curativo é fortificado.

Aproveite e descubra como combater a insônia com florais.

 

Fases do emagrecimento com homeopatia

Se você deseja emagrecer através do tratamento com homeopatia, saiba que esse processo é dividido em duas fases:

  • Primeira fase: É feito um processo chamado de “drenagem” ou seja, o seu corpo elimina toxinas e resíduos indesejáveis presentes no organismo.
  • Segunda fase: Nessa fase, o uso da homeopatia deve ser associado a uma dieta baixa em calorias, gordura saturada, trans e rica em fibras (legumes, frutas e cereais integrais), além de exercícios físicos.

Nas duas fases de tratamento de homeopatia para emagrecer, seu médico deve se basear em suas necessidades específicas.

 

Tratamentos homeopáticos para pessoas obesas

Em casos de pacientes obesos, a homeopatia para emagrecer é utilizada em situações em que o paciente engorda porque tem distúrbios alimentares compulsivos, normalmente ocasionados por altos níveis de stress e também por crises de ansiedade.
Nesse caso, a homeopatia atuará de maneira com que o paciente fique menos ansioso e, dessa forma, ele comerá com menor frequência.
Porém, como dito anteriormente, em todos os casos, além da homeopatia para emagrecer, é recomendado a prática de exercícios físicos regulares, juntamente com uma alimentação balanceada, pois tudo isso melhora a qualidade de vida e ajuda a manter a boa forma.
“É importante que o paciente com problemas emocionais e psicológicos não ceda ao sedentarismo. Sair de casa, fazer programas ao ar livre e se exercitar são ações que contribuem para aliviar a tensão, além de contribuir no processo de emagrecimento e eficácia da homeopatia”, diz Emanuel.

 

Remédios de homeopatia para emagrecer

Confira abaixo alguns remédios utilizados na homeopatia no processo de emagrecimento:

 

  • Fucus Vesicelosus

O Fucus é um medicamento benéfico para obesidade e pessoas com excesso de peso. Isso ajuda a melhorar a digestão e o alívio da constipação. Esse remédio pode estimular a produção de hormônios da tireoide, o que interfere no funcionamento do metabolismo, ocasionando a perda de peso.

 

  • Iodum

Assim como o Fucus, o Iodum auxilia no controle de peso para pacientes que lidam com desequilíbrios referentes ao hormônio da tireoide. O Iodo contribui no controle do apetite, um dos principais fatores responsáveis pelos casos de obesidade.

 

  • Antimonium Crudum

Esse remédio é recomendado para pacientes que sofrem com metabolismo lento. Ele auxilia no funcionamento metabólico, assim acelerando a digestão e eliminação de toxinas. O Antimonium Crudum também é indicado para o tratamento de crianças obesas.

 

  • Calcarea Carbonica

Esse remédio é indicado para pessoas que lidam com compulsão alimentar e comem excessivamente, além de pacientes que sofrem com flacidez.

 

  • Lycopodium

É recomendado para pacientes que sofrem com excesso de peso causado pelo hipotireoidismo. O Lycopodium é indicado em casos de problemas gástricos e hepáticos, o que leva a constipação e flatulência. Ele também é usado em situações em que as áreas das coxas e nádegas têm excesso de gordura.

 

  • Kali Carbonicum

É indicado para pessoas obesas e que possuem temperatura corporal baixa, ocasionando dores crônicas nas costas. Esse remédio é muito indicado para pessoas obesas que lidam com metabolismo lento.

Fique atento!

Em casos de excesso de peso por razões hormonais ou genéticas, o ideal é que o paciente procure outro tipo de tratamento, por isso, sempre consulte um médico.

 

Efeitos colaterais da homeopatia

Diferente dos remédios alopáticos, a homeopatia não causa efeitos colaterais no organismo ou mesmo dependência química. Entretanto, isso não descarta o uso consciente de seus compostos, além do acompanhamento médico. Não faça tratamento com homeopatia apenas por indicação.
É fundamental que os remédios sejam recomendados por um médico reconheça as deficiências dos casos particulares.
“Se acompanhada de um profissional capacitado e hábitos saudáveis, a homeopatia ajuda a alcançar objetivos, mas não é milagroso”, lembra o nutricionista Emanuel Vieira.

 

Acompanhamento médico

Como dito anteriormente, não se submeta a um tratamento de homeopatia para emagrecer sem o acompanhamento de um médico.
A homeopatia é feita de acordo com as particularidades de cada pessoa, logo, é fundamental que as dosagens indicadas pelo médico sejam compatíveis com as suas características metabólicas.

Quer saber como manipular o seu medicamento? Conheça o jeito mais rápido e fácil de comprar no 99fórmulas!