Category

Alimentação

Emagrecimento: um guia detox completo

As dietas detox possuem componentes que ajudam no emagrecimento e agem limpando o organismo de forma saudável, sem agredir sua saúde.
Além disso, possuem pouquíssimas calorias, e são ricas em nutrientes, o que contribui para um melhor funcionamento do organismo.

Pensando nisso, a equipe do 99fórmulas separou para você os principais benefícios da dieta detox, que nada mais é do que uma forma de auxiliar o seu corpo a ficar mais saudável, além de proporcionar um corpo limpo e mais bonito sempre.

Confira abaixo!

Afinal, o que é “detox”?

A dieta detox, em sua essência, é uma dieta desintoxicante. Ela tem como finalidade facilitar e potencializar a retirada de toxinas e impurezas que acumulamos em nosso organismo, através de inúmeros fatores, como a alimentação e exposição ao meio ambiente e seus poluentes em geral.
A dieta detox é principalmente, baseada na metodologia da restrição. Ela é feita por poucos dias, restringindo o consumo de todas as substâncias que ingerimos e que são propensas a causar algum mal ao organismo, contribuindo na aceleração do processo de envelhecimento precoce, no enfraquecimento das células e que prejudicam as atividades naturais do corpo.

Segundo o nutricionista Paulo Souza: “Como o próprio nome indica, o objetivo da dieta detox, é de fato, eliminar a maior quantidade de toxinas do nosso corpo”. O nutricionista reforça dizendo que o organismo é projetado para eliminar resíduos tóxicos de maneira natural, porém, esse processo é prejudicado, na maior parte dos casos.

“Com o aumento do consumo de alimentos inadequados e hábitos de vida incorretos, a quantidade destes resíduos se torna excessiva, desregulando assim o correto funcionamento do organismo nesta sua tarefa”, completa.

Em resumo, a dieta detox é responsável por retirar de nossa rotina todos os alimentos que contenham substâncias que podem causar males ao nosso organismo, focando então, na ingestão dos alimentos que nos trazem nutrientes benéficos ricos em vitaminas, minerais, proteínas, fibras, gorduras boas, etc.
Para ter um efeito a longo prazo, a dieta detox deve ser seguida por uma dieta que diferente das convencionais, é vista como um estilo de vida sustentável.

Como a dieta detox age no organismo?

Sempre que ingerimos um alimento, ele obrigatoriamente passará por nosso sistema digestivo e seus componentes serão absorvidos pelo organismo. Nesse processo, o intestino grosso é responsável por absorver a água, gorduras e açúcares, até seguir ao reto, que também absorve água e controla a eliminação das fezes. O nosso fígado é o órgão responsável por eliminar as toxidades responsáveis por agredir nosso organismo.

Em níveis considerados normais, os radicais livres não são prejudiciais à saúde. Em excesso, essas moléculas podem ser tóxicas ao nosso organismo. “Exageros cometidos em festas, excesso de açucares e gorduras na alimentação habitual, consumo de álcool, tabaco, e até mesmo toxinas oriundas do stress, sono ruim e poluição prejudicam diretamente a saúde do organismo”, afirma o nutricionista.

Esses hábitos podem contribuir para o surgimento de alguns problemas de saúde, como o enfraquecimento do sistema imunológico e o envelhecimento, bem como de distúrbios mais sérios, como artrite, arteriosclerose, catarata, entre outros.

Elimine o álcool, o café, os cigarros, os açúcares refinados e as gorduras saturadas, que agem como toxinas no corpo e são obstáculos para o seu processo detox.
Existem alguns alimentos que contém substâncias antioxidantes. Os principais são:

  • Vitamina C: Frutas cítricas e vegetais verde-escuros (laranja, limão, acerola, morango, brócolis, tomate, entre outros);
  • Vitamina E: Presente principalmente no gérmen de trigo, mas também no óleo de soja, arroz, nozes, vegetais folhosos e legumes;
  • Vitamina A: Cenoura, abóbora, brócolis, melão, etc.;
  • Zinco: Carnes, peixes, aves e leite;
  • Selênio: Fígado, aves, etc.;
  • Licopeno: Tomate, etc.

Leia mais: Chá Verde: seis benefícios para sua saúde.

Quando devo fazer dieta detox?

Segundo Paulo: “A dieta detox é indicada para pessoas que sofrem com retenção de líquidos, que constantemente se alimentam na rua ou consomem comida congelada com frequência”.

O nutricionista conta que a dieta detox também contribui na melhoria de casos como TPM, por exemplo: “A dieta detox ajuda a melhorar sintomas da tensão pré-menstrual. A dieta também é benéfica para pessoas que sofrem com enxaqueca, dermatites e de doenças inflamatórias crônicas, como bronquite asmática, e alergias dermatológicas”, completa.

Quais alimentos são restritos na dieta detox?

Dentre os alimentos restritos durante a dieta detox, os principais são:

  • Farináceos de trigo: Pães integrais, biscoitos, bolachas, massas;
  • Açúcar: doces diversos, refrigerantes.

Restringir esses alimentos contribui para trazer resultados quase que imediatos, embora  a maior parte dessa perda de peso inicial ocorra devido à perda de água (líquidos), provocando a diminuição de peso e de medidas.

 

A dieta detox pode melhorar o sono, o humor e o stress?

Um ponto importante a ser lembrado é o emocional. Quando somos expostos a condições de stress, por exemplo, ficamos propensos a inúmeros malefícios físicos. Cuidar da saúde mental é essencial para nos livrar destas intoxicações.
A dieta detox contém hábitos que podem de fato, trazer uma melhora no sono, humor, diminuição de stress, aumento dos níveis do nível de energia e disposição.
Além disso, ela ajuda a regular os hormônios que são prejudicados com a má alimentação recorrente.

Leia também: https://www.99formulas.com/blog/florais-para-combater-a-insonia/

 

Desintoxicando a mente

Tudo o que é diferente dos hábitos não saudáveis parece ser menos atrativo em termos de sabor e preparo e muitas vezes, a disponibilidade de tempo é também colocada como um obstáculo.
A princípio, parece difícil e trabalhoso manter uma rotina alimentar adequada, não é mesmo?
Por esse motivo, é importante ressaltar que alguns fatores devem ser levados em consideração quando hábitos começam a ser mudados. Quanto vale a sua saúde?

Caso você esteja na dúvida se deve ou não começar uma dieta detox, faça uma anotação com alimentos que sejam de seu agrado, por exemplo:

  • Quais suas frutas preferidas?
  • Quais verduras você gosta?
  • Quais legumes você sente prazer em comer?
  • Como está sua ingestão de água?

Acrescente-os a suas refeições!

Pequenos gestos podem fazer toda a diferença em seu corpo, além de proporcionar uma melhor disposição em atividades rotineiras, uma pele mais bonita e saudável, melhora nas funções intestinais, que tornam-se regulares.

 

 Como conseguir melhores resultados com a dieta detox?

Sem sombra de dúvidas, os resultados obtidos pela mudança na qualidade da alimentação refletem seus efeitos de maneira geral.
Porém, algumas vitaminas contribuem para um resultado mais efetivo, por exemplo:

  • Procure consumir alimentos que contenham vitaminas A, B2, C e/ou ferro, como por exemplo, alimentos verdes escuros e amarelos alaranjados;
  • Se você sofre com falta de apetite, procure consumir alimentos que contenham vitaminas A, B1 e C (alimentos verdes escuros, peixes, alimentos amarelos, cereais integrais);
  • Em casos de fraqueza muscular, é importante fazer a ingestão correta de potássio, presente em frutas, carnes e grãos;
  • A fadiga pode ser combatida com a B5, encontrada em carnes, vegetais escuros, frutas secas e frescas.

 

Mantenha os hábitos adquiridos durante a dieta detox

Um hábito que traz bem-estar dificilmente é deixado de lado. Como vimos anteriormente, a dieta detox contém vantagens e benefícios capazes de proporcionar a sua vida por tempo ilimitado.
Por esse motivo, vale a pena mantê-los em sua rotina, a fim de adquirir a mesma qualidade de vida.

Dentre as principais dicas, estão:

  • Coma devagar e mastigue bem os alimentos;
  • Faça as refeições em ambientes calmos, sem pressa;
  • Não pule refeições, isso não ajudará a emagrecer ou melhorar a dieta;
  • Beba 2 litros de água ao dia;
  • Evite refeições fora de casa ou preparações industrializadas como linguiça, salsicha, salame, lasanha pronta, hambúrguer e pizza;
  • Procure usar o mínimo de óleo ao preparar alimentos.

Mais que estética, com a dieta detox, é possível perceber mudanças positivas em vários aspectos da sua rotina, garantido a sua qualidade de vida.

Continue ligado no blog do 99fórmulas e fique por dentro de tudo que te deixará uma vida mais saudável e feliz.

Homeopatia para emagrecer: como funciona

Você sabia que a homeopatia pode te ajudar a emagrecer?

Sabemos que o processo de perda de peso não é fácil. Ele exige mudanças na rotina, incluindo atividades físicas regulares e uma alimentação mais saudável e em muitos casos, algumas pessoas não conseguem atingir seus objetivos, já que esse processo exige alguns sacrifícios.
Porém, é possível emagrecer equilibrando o seu organismo com o auxílio do tratamento alternativo da homeopatia.
Segundo o nutrólogo Emanuel Vieira: “A homeopatia é um tipo de tratamento auxiliar, que atua de maneiras específicas em cada paciente. Muitas vezes a dificuldade de perder peso não está ligada diretamente ao consumo excessivo de alimentos, mas sim a desequilíbrios no próprio organismo.”

 

Como a homeopatia ajuda no emagrecimento?

Primeiramente, vamos entender como surgiu a homeopatia no tratamento de perda de peso. Inventado no século XVI, esse tratamento alternativo visa não somente sintomas, mas tudo o que está em mal funcionamento em seu corpo, com o objetivo de equilibrar o que está em desequilíbrio, resultando assim, a perda de peso.
“O aumento de peso pode estar relacionado a problemas tanto de ordem sentimental quanto psicológica, o que exige o uso de homeopatia para emagrecer”, diz Emanuel.
A função da homeopatia é diminuir o impacto de fatores desfavoráveis no processo de perda de peso. Uma vez que você inicia o tratamento com a homeopatia, o médico fará a análise completo do seu quadro clínico para saber se você está abalado emocionalmente, ou seja, você terá um tratamento personalizado.
“Se o paciente estiver acima do peso e decidir fazer uso de um remédio para emagrecer, por exemplo, no caso de um tratamento homeopático, o médico vai procurar saber as razões que estão causando o sobrepeso, a partir de então, trataria a raiz do problema, o todo, receitando uma homeopatia para emagrecer”, completa o nutricionista.

 

A homeopatia para emagrecer é eficaz?

Sim. Segundo Emanuel: “A homeopatia trabalha de forma indireta no emagrecimento. Porém, é importante ressaltar que ela apresenta um resultado eficaz quando associada a exercícios físicos e dieta regulada, ou seja, equilíbrio do organismo.”
O nutricionista completa dizendo que “O tratamento consiste em olhar o paciente com individualidade, entendendo sua história de vida e hábitos. Quando o organismo volta a funcionar de maneira adequada, acontece o emagrecimento.”

 

Como funciona a homeopatia para emagrecer?

A homeopatia possibilita a produção de remédios de acordo com as particularidades de pessoas acima do peso, logo, é fundamental que as dosagens indicadas pelo médico sejam compatíveis com as suas características metabólicas.
Os medicamentos homeopáticos são uma alternativa para quem quer emagrecer. Com eles, é possível encontrar o equilíbrio físico, mental e emocional.
As fórmulas ainda aumentam a disposição, ajudam a diminuir inchaços e melhoram a performance do metabolismo, o que resulta na perda de peso.
Em situações nas quais o paciente sofre com problemas psicológicos (ansiedade, por exemplo), o tratamento homeopático pode contribuir no processo de equilíbrio emocional, ou seja, será tratada a raiz do problema.
Nesse momento, a homeopatia passa a ser uma alternativa para combater o sintoma e reequilibrar a saúde do paciente.
Além disso, os medicamentos usados na homeopatia são compostos por substâncias extremamente diluídas. Dessa maneira, as propriedades nocivas são neutralizadas e seu poder curativo é fortificado.

Aproveite e descubra como combater a insônia com florais.

 

Fases do emagrecimento com homeopatia

Se você deseja emagrecer através do tratamento com homeopatia, saiba que esse processo é dividido em duas fases:

  • Primeira fase: É feito um processo chamado de “drenagem” ou seja, o seu corpo elimina toxinas e resíduos indesejáveis presentes no organismo.
  • Segunda fase: Nessa fase, o uso da homeopatia deve ser associado a uma dieta baixa em calorias, gordura saturada, trans e rica em fibras (legumes, frutas e cereais integrais), além de exercícios físicos.

Nas duas fases de tratamento de homeopatia para emagrecer, seu médico deve se basear em suas necessidades específicas.

 

Tratamentos homeopáticos para pessoas obesas

Em casos de pacientes obesos, a homeopatia para emagrecer é utilizada em situações em que o paciente engorda porque tem distúrbios alimentares compulsivos, normalmente ocasionados por altos níveis de stress e também por crises de ansiedade.
Nesse caso, a homeopatia atuará de maneira com que o paciente fique menos ansioso e, dessa forma, ele comerá com menor frequência.
Porém, como dito anteriormente, em todos os casos, além da homeopatia para emagrecer, é recomendado a prática de exercícios físicos regulares, juntamente com uma alimentação balanceada, pois tudo isso melhora a qualidade de vida e ajuda a manter a boa forma.
“É importante que o paciente com problemas emocionais e psicológicos não ceda ao sedentarismo. Sair de casa, fazer programas ao ar livre e se exercitar são ações que contribuem para aliviar a tensão, além de contribuir no processo de emagrecimento e eficácia da homeopatia”, diz Emanuel.

 

Remédios de homeopatia para emagrecer

Confira abaixo alguns remédios utilizados na homeopatia no processo de emagrecimento:

 

  • Fucus Vesicelosus

O Fucus é um medicamento benéfico para obesidade e pessoas com excesso de peso. Isso ajuda a melhorar a digestão e o alívio da constipação. Esse remédio pode estimular a produção de hormônios da tireoide, o que interfere no funcionamento do metabolismo, ocasionando a perda de peso.

 

  • Iodum

Assim como o Fucus, o Iodum auxilia no controle de peso para pacientes que lidam com desequilíbrios referentes ao hormônio da tireoide. O Iodo contribui no controle do apetite, um dos principais fatores responsáveis pelos casos de obesidade.

 

  • Antimonium Crudum

Esse remédio é recomendado para pacientes que sofrem com metabolismo lento. Ele auxilia no funcionamento metabólico, assim acelerando a digestão e eliminação de toxinas. O Antimonium Crudum também é indicado para o tratamento de crianças obesas.

 

  • Calcarea Carbonica

Esse remédio é indicado para pessoas que lidam com compulsão alimentar e comem excessivamente, além de pacientes que sofrem com flacidez.

 

  • Lycopodium

É recomendado para pacientes que sofrem com excesso de peso causado pelo hipotireoidismo. O Lycopodium é indicado em casos de problemas gástricos e hepáticos, o que leva a constipação e flatulência. Ele também é usado em situações em que as áreas das coxas e nádegas têm excesso de gordura.

 

  • Kali Carbonicum

É indicado para pessoas obesas e que possuem temperatura corporal baixa, ocasionando dores crônicas nas costas. Esse remédio é muito indicado para pessoas obesas que lidam com metabolismo lento.

Fique atento!

Em casos de excesso de peso por razões hormonais ou genéticas, o ideal é que o paciente procure outro tipo de tratamento, por isso, sempre consulte um médico.

 

Efeitos colaterais da homeopatia

Diferente dos remédios alopáticos, a homeopatia não causa efeitos colaterais no organismo ou mesmo dependência química. Entretanto, isso não descarta o uso consciente de seus compostos, além do acompanhamento médico. Não faça tratamento com homeopatia apenas por indicação.
É fundamental que os remédios sejam recomendados por um médico reconheça as deficiências dos casos particulares.
“Se acompanhada de um profissional capacitado e hábitos saudáveis, a homeopatia ajuda a alcançar objetivos, mas não é milagroso”, lembra o nutricionista Emanuel Vieira.

 

Acompanhamento médico

Como dito anteriormente, não se submeta a um tratamento de homeopatia para emagrecer sem o acompanhamento de um médico.
A homeopatia é feita de acordo com as particularidades de cada pessoa, logo, é fundamental que as dosagens indicadas pelo médico sejam compatíveis com as suas características metabólicas.

Quer saber como manipular o seu medicamento? Conheça o jeito mais rápido e fácil de comprar no 99fórmulas!

Pós-carnaval: acelere a perda de peso com suplementos manipulados

O carnaval se foi e as dietas voltaram com tudo! Porém, com a correria do dia a dia, por mais que você siga uma dieta balanceada, é quase impossível conseguir consumir todos os nutrientes que o seu corpo precisa para ganhar massa muscular.
Por isso, para complementar a alimentação é recomendada a ingestão dos suplementos nutricionais, que podem ser manipulados, de acordo com a sua necessidade e preferência.
Nessa busca pelo corpo sarado, os suplementos manipulados se tornam essenciais, já que têm como objetivo suprir as necessidades do corpo, além de aumentar a força para realizar os treinos pesados.
Nas academias, os suplementos manipulados são usado por aqueles que praticam exercícios físicos e buscam auxiliares na perda de peso e no crescimento dos músculos.

Segundo o nutricionista Paulo Augusto de Souza: “Primeiramente, é importante lembrar que cada suplemento nutricional é indicado de acordo com a necessidade de cada pessoa, levando em conta os exercícios físicos que serão feitos junto com a suplementação. Cada suplemento possui uma composição e um intuito em cada organismo”.
O nutricionista ainda ressalta a importância do exercício físico para um resultado eficaz: “Muitas pessoas acreditam que os resultados dos suplementos nutricionais são eficazes apenas em seu uso individual, mas não é assim. Eles funcionam, mas é necessário associar ao treino para obter resultados positivos”.
Mas afinal, qual o melhor suplemento para ganhar massa muscular? A equipe do 99fórmulas separou os principais para você que deseja perder os quilos a mais do carnaval e ganhar massa muscular.

Confira abaixo:

1

Whey Protein Isolado (WPI)

O Whey Protein Isolado é um suplemento nutricional de recuperação pós-exercício. É utilizado após um estresse físico intenso, quando as células se transformam em esponjas para absorver os nutrientes.
Ele possui maior concentração de proteínas e pode chegar a zero a quantidade de carboidratos e gordura. Suas propriedades da rápida bio-disponibilidade fazem com que a recuperação e os ganhos musculares sejam completos, tornando-se uma ótima opção para quem está de dieta de redução calórica buscando emagrecer e definir os músculos.
2

Whey Protein Isolado (WPI)

O Whey Protein Isolado é um suplemento de recuperação pós-exercício. É nessa hora crítica, depois de um estresse físico intenso, que as células se transformam em esponjas para absorver os nutrientes.
Ele possui maior concentração de proteínas e pode chegar a zero a quantidade de carboidratos e gordura. Suas propriedades da rápida bio-disponibilidade fazem com que a recuperação e os ganhos musculares sejam completos, tornando-se uma ótima opção para quem está de dieta de redução calórica buscando emagrecer e definir.
3

Whey Protein Hidrolisado (WPH)

O Whey Protein Hidrolisado diferencia-se pelo processo de hidrólise enzimática (processo similar ao digestivo), ele é responsável por quebrar as cadeias proteicas, facilitando a absorção pelo organismo, além disso, ele promove retenção de nitrogênio, tornando-se um importante aliado ao crescimento muscular e perda de redução dos níveis de colesterol.
Por esse motivo, esse suplemento nutricional pode ser mais facilmente digerido, sem perder seu valor nutricional. Ele também promove melhora em quadros de hipertrofia muscular e a melhora do desempenho na realização de exercícios.
4

Aminoácidos de Cadeia Ramificada (BCAA)

Os BCAAs são uma espécie de transportadores de nitrogênio, responsável por atuar em conjunto com outros aminoácidos no processo de produção de novas fibras musculares (anabolismo). Eles são responsáveis por elevar os níveis de energia durante o treino, além de reduzir a fadiga física e mental e fornecer aminoácidos necessários para os músculos e estimular a síntese de proteínas.
Além disso, os BCAAs estimulam a produção de insulina, hormônio que promove a entrada de glicose e aminoácidos nas células, garantindo mais energia aos músculos durante o treino, ou seja, resultando em séries mais intensas e um treino mais longo e produtivo.
5

Ácido Alfa Cetoisocaproico (KIC)

O KIC, além de diminuir a fadiga ao fornecer aporte de aminoácidos para o músculo esquelético, que resulta uma melhor performance durante os exercícios, é responsável por promover o anabolismo proteico muscular, que diminui o grau de lesão muscular induzido pelos exercícios físicos.
Além disso, o KIC permite que o músculo utilize com mais eficiência a glicose, pois este inibe a formação de glicogênio.
6

Ácido Alfa Hidroxi Isocapróio (Hica)

O Hica é um importante aliado para diminuir a dor muscular, resultante dos treinos. Ele é muito utilizado para a hipertrofia muscular, e feito a base do ácido lêucico, metabólico do aminoácido Leucina, que potencializa o efeito anticatabólico, permitindo treinos mais pesados.
7

Folidrone

O Folidrone é recomendado para quem deseja queimar gorduras e aumentar a força muscular, portanto, é indicado para quem busca definição dos músculos. É um modulador natural da miostatina que é uma proteína capaz de limitar o aumento das fibras musculares.
Ele contém folistatina (proteína encontrada nos alimentos), creatina (aminoácidos que faz parte das fibras musculares) e epicatequina (antioxidante presente no chá verde que auxilia na quebra de gordura), apresentando efeito anabólico muscular maior que esteroides anabolizantes.
O Folidrone aumenta o potencial de ganho de massa muscular, força, aumento da resistência, vasodilatação, diminuição da fadiga.
8

Creatina

A creatina é um importante suplemento, com alto elevador de eficácia, quando utilizado de forma correta e com base no objetivo do paciente.
A principal função da creatina para quem treina com intensidade é fornecer energia para as contrações musculares, efeito que se dá pela sua conversão em fosfocreatina (ou creatina fosfato). Portanto, ela é responsável por aumentar a disponibilidade de energia para os treinos pesados.
9

Cafeína

A cafeína ajuda tanto no treino aeróbico quanto no anaeróbico, além de poder trazer benefícios também quando consumido após o treino, já que o seu consumo contribui para o transporte de glicose do sangue para os músculos, ajudando na recuperação muscular.
A cafeína causa a aceleração do metabolismo, que facilita a queima de gordura corporal e a produção de suco gástrico, ajudando na digestão. Também produz adrenalina, deixando nosso corpo em maior estado de alerta.
O efeito do aumento da queima de gordura do café favorece a perda de peso e o aumento da massa muscular, assim como melhora a sensação de fadiga no músculo depois da atividade física.
Em contrapartida, seu uso deve ser feito com moderação, pois pode causar dependência e alguns efeitos colaterais, como irritação e insônia.

Para obter resultados mais eficazes em seu treino, é importante ressaltar que você deve procurar acompanhamento com um especialista em nutrição, além do condicionamento físico. A personal trainer Nicoli Zanin ressalta: “O educador físico não pode entrar em assuntos que dizem respeito ao uso de suplementos nutricionais, a não ser que faça uma especialização em nutrição. Um trabalho depende do outro.”

É importante ressaltar que além de praticar exercícios, ter uma alimentação saudável também é essencial para que você tenha mais disposição e qualidade de vida. Você sabe quais são os nutrientes essenciais para nosso organismo? Confira clicando aqui.

Alguns itens importantes para manter uma vida saudável:

  • Foco no cardio – Os exercícios cardiovasculares são cruciais para manter o metabolismo em pleno funcionamento. Pratique-os!
  • Coma o café da manhã – Pular o café da manhã pode diminuir a capacidade do seu corpo a queimar gordura enquanto tenta conservar energia.
  • Coloque os exercícios físicos na agenda – Especialistas recomendam até uma hora de atividade para ver benefícios, por isso, mantenha o agendamento do seu treino durante a semana para garantir que você não perca.
  • Não pule refeições – Pular refeições pode enganar o seu corpo e levá-lo a acreditar que não está recebendo comida suficiente e que deve armazenar mais calorias quando é alimentado.
  • Desestresse – Tire alguns momentos para respirar profundamente ou aposte em uma sequência de ioga para manter o seu metabolismo em funcionamento.
  • Coma algo antes de dormir – Baixos níveis de açúcar no sangue fazem com que você tenha menos músculos, o que faz com que seu metabolismo se arraste. Por isso, mantenha-o ativo comendo algo (em pouca quantidade, um snack, por exemplo) antes de ir se deitar, para queimar calorias enquanto dorme.
  • Coma grãos integrais – Eles também são mais difíceis de mastigar, o que tornam o ato de comer mais difícil e aumentam a queima de gordura em 10%.
  • Aposte nos intervalos – Adicione intervalos de alta intensidade e queime mais calorias em cada sessão, e aposte também nas inclinações.
  • Não negligencie o treino – O treino é uma maneira poderosa de queimar gordura. Tenha como objetivo 120 minutos de exercícios de força por semana.
  • Beba mais água – Não beber água suficiente pode fazer com que você se sinta fadigado. Por isso, não se esqueça da sua garrafinha.
  • Durma tranquilamente – Para acelerar o metabolismo, prcure dormir de sete a oito horas por noite. Para garantir uma noite mais tranquila, você pode utilizar florais que auxiliam em uma noite tranquila de sono.
  • Reduza o consumo de carboidratos processados – Mantenha o seu metabolismo em movimento comendo pratos saudáveis e lanches que incluem proteína.

Está a fim de turbinar seu treino? O suplementos manipulado é uma ótima alternativa para promover mais disposição, ter uma vida mais saudável e ainda fazer economia e podem ser encontrados nas principais farmácias de manipulação.

Suplemento Vegano Manipulado

Devido aos seus inúmeros benefícios, o veganismo tem sido uma ótima alternativa de alimentação, para os que procuram uma dieta saudável e equilibrada. No entanto, atletas e pessoas que praticam exercícios físicos com o objetivo de obter um corpo mais definido, ainda precisam de suplementação, mas pouco se fala sobre  suplemento Vegano Manipulado.
As substâncias necessárias são extraídas de vegetais e, ainda assim, fornecem tudo o que preciso para auxiliar no fortalecimento dos músculos e no ganho de energia. Por isso, listamos algumas opções para você que é adepto ao veganismo e quer encontrar novas formas de suplementação.

 

Proteína de ervilha

Embora possua algumas propriedades diferentes do Whey Protein, a proteína de ervilha é muito utilizada como alternativa para os veganos. Com baixo teor calórico e sem nenhum teor de gordura ou colesterol esse tipo de suplemento vegano manipulado, proporciona mais força durante o treino e evita a fadiga.
Além disso, a proteína de ervilha é riquíssima em aminoácidos de cadeia ramificada, o BCCA. Sua ação também é eficaz no pós treino e auxilia a diminuir a gordura abdominal. A sensação de saciedade também é causada, uma vez que esse tipo de suplementação é considerado de digestão lenta e, por isso, diminui o apetite de quem a consome.

 

Creatina monohidratada

A creatina é dos suplementos mais utilizados por qualquer atleta. Levando em consideração a quantidade de proteínas que uma dieta vegana possui desenvolveu-se a creatina monohidratada, ideal para quem tem esse tipo de alimentação.
Além de melhorar o desempenho físico e mental, a creatina monohidratada é responsável por evitar a fadiga durante o treino e garantir mais disposição após o período de atividade. E claro, esse tipo de suplemento vegano também causa o aumento da força e da massa muscular, assim como a potência de explosão do corpo.

 

Beta alanina

Outro suplementos fundamental para os veganos é a Beta alanina, já que possuo uma grande fonte de carnosina, substância escassa na dieta vegetariana. Esse tipo de suplementação é recomendação é recomendada, principalmente, aos que praticam esportes, como futebol, natação e tênis.
Ela é responsável por promover mais força muscular e evitar a fadiga em quem a consume. No entanto, esse tipo de suplemento deve ter o seu uso acompanhado por um especialista, já que é responsável por causar o formigamento dos dedos, quando consumido em grande escala.

 

L-leucina

Alimentos como carne, ovos e leite possuem propriedades especiais e, quando não consumidos, deixam de fornecer algumas substâncias fundamentais para o organismo. Uma delas é a Leucina, que pode ser encontrada em pó e em cápsulas. A Leucina é outro aminoácidos de cadeia ramificada, essencial para a manutenção da massa muscular, já que é convertida de em glicose – logo, em energia.
E lá benefícios da Leucina não se resumem apenas para a hora do treino. Sua ação também é comprovada para o fortalecimento dos ossos, controle do colesterol e no auxílio a perda de peso – fator muito importante para quem deseja manter o corpo em forma.

 

Ômega 3 Vegetal

Apesar de muitos acharem que a única fonte de Ômega 3 são os peixes, há excelentes opções para os veganos. O DHA e os ácidos graxos podem ser extraídos de diversos vegetais, como o espinafre, brócolis, repolho verde e alface.
O Ômega 3 também está presente em grãos, como a ervilha, a lentilha e o feijão; assim como em frutas, como as nozes e as amêndoas. Por isso, o ômega 3 Vegetal tem sido muito solicitado em farmácias de manipulação, já que proporcionam diversos benefícios para a pele e contam com um alto custo-benefício.

 

Vitamina D

É muito comum, vermos fotos em redes sociais nos dias ensolarados com a legenda “pegando Vitamina D”. Isso se dá, já que essa vitamina tem importância fundamental para a o corpo do ser humano.
Porém, há poucas alternativas de vitamina D para os veganos, sendo no Brasil, a vitamina D2, a opção mais viável. Mesmo sendo a mais difícil de ser extraída, é possível ser obtida de frutas e vegetais. O suplemento manipulado são a melhor opção para garantir a quantidade ideal dessa substância no organismo, sabendo que mesmo com a exposição diária ao sol, sua quantidade será inferior à necessária no organismo.

 

Vitamina B12

Quando se fala em dieta vegana, uma das principais preocupações é sobre o nível de vitamina B12 no corpo, já que essa substância é extraída principalmente dos animais. Mas os veganos podem ficar despreocupados quanto a isso, já que é possível manter a quantidade desta vitamina no organismo por meio de cápsulas com suplementos.
A vitamina B12 tem importância fundamental para a corrente sanguínea, sendo a anemia, um dos principais sinais da sua deficiência. Outro s sintomas também podem ser vistos, como a depressão, a fadiga e a perda de memória.
Por isso, os suplemento manipulado é a melhor opção para os veganos. Dessa forma, é possível manter o hábito alimentício, e ainda garantir mais força e saúde durante o dia a dia.

 

Outras suplementos para vegano

Acabamos de falar para vocês, as opções de suplemento vegano manipulado, porém há outras formas de adquirir as vitaminas fundamentais para o organismo. Algumas delas são:

 

Batata
A batata é um dos vegetais mais ricos em proteínas. Boa parte dos suplementos veganos manipulados é extraído deste vegetal, já que além de fibras, é responsável por evitar a massa gorda no organismo, sendo um grande aliado a quem deseja perder peso.

 

Cânhamo
Muito preconceito ainda gira em torno das sementes de cânhamo – geradoras da Cannabis sativa. Porém, são alternativas riquíssimas para vegano, pois possuem substâncias que ficam em deficiência sem o consumo de carne.
Podemos listar dentre as suas propriedades os benefícios para o sangue, a criação de anticorpos, aminoácidos e ácidos graxos. Além disso, é possível consumir o cânhamo de diversas formas, como em óleo, chá e leite.

 

Onde encontrar suplemento vegano manipulado?

Os suplementos veganos manipulados possuem muito mais sabor, mas também devem ter o seu consumo avaliado e acompanhado por especialista. E claro, também devem ser feito em uma farmácia de manipulação de confiança.

Por isso, ao aderir essa nova dieta, consulte um especialista e garanta uma vida muito mais saudável.

Orlistate Emagrece? Tudo o que você precisa saber sobre este medicamento

Os remédios manipulados e as farmácias de manipulação devem seguir regras rígidas da Anvisa para garantir a segurança dos pacientes.

A obesidade é um mal que afeta quase a metade da população. Por acarretar vários outros problemas, diversas pesquisas surgem, informando novas formas de tratamento para essa complicação. Um dos remédios mais utilizados para o tratamento desta doença é o orlistate, um excelente agente no combate ao excesso de peso.

No entanto, quando falamos sobre qualquer tipo de tratamento para emagrecer, diversas dúvidas surgem com relação ao consumo de determinadas substâncias. Por este motivo, nós, do 99fórmulas, criamos um guia completo com tudo o que você precisa saber sobre esse maravilhoso produto.

 

O que é Orlistate?

O Orlistate é um medicamento regulamentado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) indicado para o tratamento da obesidade e para pacientes com sobrepeso. Sua fórmula permite que parte da gordura dos alimentos não seja absorvida pelo organismos, sendo assim, um ótimo companheiro na busca pela redução de peso.

Ele age diretamente no sistema digestivo do paciente que o consome e, por isso, é considerado de rápida ação. No entanto, essa composição deve ser utilizada em conjunto com um dieta mais saudável e menos calórica, garantindo até 30% da redução de gordura dos alimentos ingeridos.

 

Quais são os benefícios do Orlistate?

O principal benefício do orlistate é a inibição das lipases gastrointestinais, que absorvem a gordura do que nós ingerimos. Nesse sentido, quando comemos alimentos muito gordurosos, nosso organismo não consegue absorver toda a gordura e a elimina nas fezes.

Dessa forma, o corpo deixa de acumular gordura, promovendo o desejado emagrecimento. Por isso, o orlistate manipulado também é muito utilizado por fisiculturistas, acompanhado de suplementos e outras ajudam a emagrecer e a como turbinar o treino.

No entanto, como todo medicamento, o orlistate é um medicamento que só deve ser consumido segundo prescrição médica, afinal, ele também é responsável por alguns efeitos colaterais e quando consumido em excesso, pode acarretar em graves complicações.

Evitando o acúmulo de gordura no organismo, outros benefícios são promovidos pelo Orlistate. A redução do colesterol e a diminuição do triglicérides são alguns dos mais comuns e, em consequência a esses fatores, o corpo ganha mais energia e disposição para exercícios físicos, além das vantagens que favorecem o sistema cardíaco.

Fatores associados à hipertensão e à diabetes também podem ser notados quando o consumo em pacientes com obesidade é feito a longo prazo. Isso ocorre devido ao melhor controle da pressão arterial e à redução das taxas de gordura no sangue.

Outro fator favorável, do orlistate, em relação aos outros tipos de remédio para emagrecer é o fato de não estar ligado ao sistema nervoso, como boa parte dos antidepressivos. Uma das maiores dúvidas de quem deseja consumir esse tipo de medicamento é se o orlistate vicia e, como uma boa notícia para todos, informamos que não!

Orlistate emagrece mesmo?

Com sua função de inibir a absorção de gorduras e triglicérides pelo organismo, é comprovado que o orlistate emagrece! Especialistas afirmam que o consumo feito de forma correta e com o acompanhamento adequado, em conjunto com um dieta recomendada por um especialista, a perda de peso pode se aproximar dos 10 kg.

Quando tomar Orlistate?

Como dissemos, o Orlistate é um medicamento indicado propriamente para o tratamento da obesidade e do sobrepeso. Por isso, antes de iniciar o tratamento é necessário passar por uma bateria de exames e a indicação de um especialista.

É recomendado, tomar o medicamento sempre antes das refeições, no almoço e no jantar, para otimizar o processo de absorção da gordura dos alimentos. Porém, o efeito do princípio ativo leva um tempo para começar a agir no organismo, não é necessário se preocupar.

 

Quais  são os efeitos colaterais do Orlistate?

Em se tratando de um medicamento que age diretamente no sistema digestivo, causando a absorção de gordura, os efeitos colaterais do Orlistate estão ligados à excreção. Cheiro mais forte, mais volume ou textura desagradáveis são os mais comuns.

Dores abdominais, gases em excesso e cólicas constantes também podem ser notadas com uma frequência maior. Nas mulheres, também são relatados casos de alteração no ciclo menstrual.

 

Quais são as contra indicações do Orlistate?

Infelizmente, o Orlistate também possui algumas contra indicações. Pacientes com problemas renais, no fígado ou nas vias biliares, crianças e mulheres gestantes ou em período de amamentação não devem realizar o tratamento com esse remédio.

O que devo comer enquanto tomo Orlistate?

Como a maioria dos medicamentos para emagrecer, o Orlistate apresenta um efeito muito melhor acompanhado de uma dieta equilibrada e balanceada. Por esse motivo, também há muitas dúvidas sobre o que comer quando tomar Orlistate.

O recomendado é sempre ter o acompanhamento de um nutricionista, para a criação de uma dieta leve e com alimentos sem muita gordura. Vegetais e frutas podem ser abusados durantes as refeições, assim como carne magra e versões lights de queijos, iogurtes e outros derivados do leite.

Doces, refrigerantes e sorvetes devem ser evitados, tanto quanto bebidas alcoólicas. E claro, consumir a quantidade de água ideal por água para se manter hidratado também é fundamental durante o tratamento, já que nos primeiros dias, a diarréia é um dos efeitos colaterais do Orlistate.

 

Posso tomar o Orlistate manipulado?

É claro! Os medicamentos manipulados são umas das melhores formas de tratar o emagrecimento e promover a perda de peso. Uma das suas vantagens é garantir a dosagem adequada do Orlistate, de acordo com a sua recomendação médica e sem causar danos à saúde.

Mas, lembre-se: antes de comprar Orlistate é essencial garantir que o remédio é imprescindível no seu tratamento e elaborar uma nova dieta. Dessa forma, seus objetivos serão alcançados e sua vida será muito mais saudável.

10 chás diuréticos para secar neste verão

Sofrendo com inchaço, retenção de líquido e com a balança? É preciso fazer algumas mudanças em seus hábitos para eliminar tais incômodos. Dentre muitas, podemos citar como as mais importantes: mudar a alimentação, focando em alimentos mais saudáveis e ricos em proteínas e vitaminas, como por exemplo: frutas e legumes. E claro, também iniciar a prática de exercícios físicos. Sem dúvidas, isso terá um reflexo positivo em sua vida. Mas, curiosamente, você sabia que incluir chás em sua rotina pode fazer uma grande diferença em sua vida? Afinal, eles são excelentes alternativas para ajudar quem quer emagrecer e ter uma vida mais leve e saudável.

Nós da equipe do 99Fórmulas selecionamos alguns chás diuréticos para emagrecer infalíveis. Quer saber quais são? Veja neste artigo.

Mas calma! Antes de tudo vamos nos aprofundar um pouco mais. Você sabe o que é um chá? Para que serve e do que é composto?

Entendendo o que são Chás e quais seus benefícios

O chá é uma bebida feita por meio da infusão de raízes, flores, folhas, e é preparado tanto com água quente como fria. O sabor varia de acordo com o processo de produção, que pode ser através de oxidação, fermentação e a mistura com outras ervas. E claro, da principal planta utilizada. Os mais comuns são: camomila,  erva-cidreira, hortelã, dentre outros.

Mas, e quais são seus principais benefícios? Por que criar o hábito de consumir chás faz bem para a saúde? Os benefícios variam de acordo com os componentes e características de cada planta. Por exemplo, o de camomila possui uma substância chamada glicenia que causa um efeito calmante, por isso, é um ótima opção para tomar antes de dormir ou durante dias bem difíceis. Como também o de hibisco que é que um ótimo chá diurético para emagrecer por conta de seus componentes que aceleram o metabolismo. Quer entender melhor? Nós separamos os principais, veja abaixo!

1

Chá de Hibisco para emagrecer

Essa planta é recheada de benefícios para o corpo humano. Com certeza, é uma ótima aposta de chá diurético para emagrecer. O motivo é mais simples do que parece, acredite. Esta planta possui flavonóides e outros compostos, como ácido orgânicos que auxiliam no emagrecimento, redução do colesterol e até mesmo com ações anti-inflamatórias. Também contém um inibidor que bloqueia a amilase - enzima que transforma o amido em açúcar e influência na ganho de peso. Sem contar que, o hibisco é conhecido popularmente como antidepressivo natural da medicina, ajudando na redução dos sintomas de depressão e ansiedade. Opte por ingerí-lo logos após as refeições principais, pois irá auxiliar na absorção de carboidratos, diminuindo as chances de engordar.
2

Chá Verde para emagrecer

Se fossemos dar uma nota de 0 a 10 para chás diuréticos para emagrecer, a do chá verde seria 10. Adicioná-lo ao seu dia a dia fará com que seu metabolismos acelere, ajudando assim combater a retenção de líquido e até mesmo na perda de peso. Isso acontece, principalmente, por conta do antioxidante catequina presente no chá, que faz com que o organismo funcione mais rápido e queime gordura.
Dica: Não só em relação ao chá verde, mas sim sempre que procurar um chá diurético para emagrecer é extremamente importante optar pelas origens orgânicas, pois essas possuem um nível menor de sódio na composição. E claro, deixar o açúcar de fora.
3

Chá de Erva- doce para emagrecer

Os benefícios do chá de erva-doce para a saúde são muitos e variados. Ele auxilia desde ao combate a gripe, hipertensão, alívio de gases, como também na redução de peso. Por conta disso é considerado uma excelente opção de chá diurético para emagrecer. Isso acontece pois a planta é rica em fibras, antioxidantes, vitaminas e minerais. Além de ter um alto nível do ácido málico, substância que ajuda a equilibrar a acidez no estômago, dando sensação de saciedade e bem estar. Está esperando o que para incluí-lo no seu cardápio?
4

Chá de Canela para emagrecer

Dentre as opções de chás diuréticos para emagrecer o de canela é uma opção muito boa. Ele a eficácia de insulina, controlando melhor os índices de açúcar presentes no sangue, dando a sensação de mais saciedade. Sem contar que também facilita o processo de digestão e elimina gases. Uma sugestão é consumi-lo após as refeições ou no período da manhã.
5

Chá de folha de Dente-de-leão para emagrecer

Sempre que iniciar uma dieta o chá deve ser automaticamente adicionado ao seu dia a dia. Afinal, são compostos naturais que favorecem o nosso organismo de muitas maneiras. Por exemplo, o dente-de-leão é um chá diurético para emagrecer muito bom. Ainda que com forte sabor amargo ele possui muitos benefícios ao corpo humano, pois a planta é rica em minerais, ácidos e nutrientes que ajudam no combate a retenção de líquido , inchaços e até mesmo em caso de viroses.
6

Chá de Urtiga para emagrecer

Graças a sua riqueza de nutrientes é considerado um ótima opção de chá diurético para emagrecer. É um poderosos estimulante linfático que nos ajuda a queimar gorduras. Também liberam grande quantidade de serotonina e acetilcolina, substâncias que dão sensação de saciedade. Se tem dúvida de qual escolher, aposte nas propriedades do chá de urtiga para emagrecer.
7

Chá de Malva para emagrecer

Composto por muitas propriedades que são vantajosas ao organismo, como por exemplo, o princípio ativo mucilagem, taninos e diversas vitaminas. Nutriente que ajudam a manter o corpo mais equilibrado e saudável. Auxiliando no combate de doenças respiratórias e do estômago. Mas, por que é considerado um chá diurético para emagrecer? O chá de malva é conhecido popularmente por ser um “laxante natural” ao organismo, ótimo para pessoas que sofrem com prisão de ventre (um dos fatores que dificulta muito a perda de peso) devido a alta presença de mucilagem. Além de aumentar a produção de urina, ajudando assim a desinchar a barriga. O ideal é tomar no máximo 3 xícaras por dia, sempre intercalando com refeições.
8

Chá de borragem para emagrecer

Problemas de circulação, sensação de inchaço e dificuldade para emagrecer? Aposte nos benefícios do chá de borragem. Tome sempre antes de dormir e verá como seus compostos auxiliam na retenção de líquido e perda de peso.
9

Chá de Cavalinha para emagrecer

Com grande potencialidade adstringente e diurética favorece o funcionamento do organismo de diversas formas positivas. Sendo a principal delas o aceleramento do metabolismo, que elimina em menos tempo a toxinas dispensáveis do organismo, ajudando assim no emagrecimento. Apostar no chá diurético para emagrecer de cavalinha é muito bom.
10

Chá de Gergelim para emagrecer

O Chá de Gergelim é composto por quantidade significativas de cálcio, cobre, fibras, vitaminas, ferro e muito outros nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do organismo. Suas habilidades diuréticas são boas por conter alguns fitoquímicos em sua composição que melhoraram a atividade de diversas enzimas do fígado que auxiliam na decomposição de alguns ácidos de gordura, por conta disso, é uma ótima alternativa para quem deseja emagrecer.

Chás diuréticos para emagrecer manipulados

É possível ter um chá manipulado que atenda exatamente as necessidades do seu organismo?

Alerta! Chás diuréticos para emagrecer em excesso também podem fazer mal. Ainda que sejam compostos “naturais”  existem algumas substâncias que podem causar problemas desde insônia, náuseas como também prejudicar alguns órgãos como o fígado, estômago e rim. O segredo é o famoso equilíbrio! Inclua o consumo de chás em sua vida, mas tente não passar de 4 xícaras no mesmo dia. E assim, evitará ter efeitos negativos.

Gostou das dicas que a equipe do 99fórmulas separou para você? Aproveite e leia também:

Dicas de como ter uma alimentação saudável

Além de chá diurético para emagrecer, a vitamina D também possui muito benefícios para o organismo. Quer saber alguns deles? Clique aqui! 

Alimentação Saudável: Descubra quais alimentos evitar!

alimentacao-saudavel

Praticar exercícios e ter uma alimentação saudável são essenciais para termos mais disposição e qualidade de vida. Nos esportes, o que vale mesmo é não deixar de praticar, seja aeróbico, jogos de equipe, natação, musculação, todos eles contribuem de formas distintas e importantes para a saúde. Já no cardápio, você sabe quais são os nutrientes essenciais para nosso organismo?

De acordo com a nutricionista Débora Frederico para ter uma alimentação saudável é necessário uma variação nos alimentos ingeridos e na quantidade adequada para cada pessoa. Nutrientes, minerais, vitaminas, tais como: glicose, ferro, cálcio, aminoácidos, potássio são muito importantes para uma alimentação balanceada. Inclusive, o açúcar é um grande exemplo de fonte desses nutrientes. Mas então, como ter uma alimentação saudável? Quais alimentos devemos ingerir?

O segredo para ter uma alimentação mais balanceada está em descobrir quais são os alimentos que devemos evitar em excesso. Mas fique tranquilo, nós do time 99 Fórmulas vamos te ajudar. Confira a seguir 5 alimentos que quanto mais longe do cardápio ficarem, melhor.

 

Conheça 6 alimentos que você deve evitar

1. Refrigerante
Sem dúvidas, é um dos principais inimigos para quem quer ter uma alimentação saudável. Extremamente rico em quantidade de açúcar e com pouquíssimos valores nutricionais, o refrigerante pode ser considerado uma grande ilusão. Ganha muitos pelo sabor e frescor, mas é preciso conhecer o outro lado da moeda.

O refrigerante possui diversos componentes em excesso que fazem mal a saúde, os principais: sal e açúcar – que favorecem a retenção de líquido, aumentam as possibilidades de pedras nos rins, desenvolvimento de diabetes, aumento do peso e consequentemente, o mal estar. Além desses, o refrigerante também é composto por: sulfatos, concentrados (o famoso xarope), antioxidante, conservantes.

Mas, seria a solução para ter uma alimentação saudável apostar nas versões lights ou zero açúcar? Muito cuidado, são uma armadilha. Ainda que possuem menos açúcar e calorias, a quantidade de sódios, corante, conservantes e xarope são em excesso, o que deixa o desejo de ter uma alimentação saudável ainda mais distante. O segredo é apostar em sucos naturais, águas e chás.

2. Frituras
Por serem extremamente saborosas é quase uma missão impossível eliminá-las das refeições. Mas, se seu objetivo é ter uma alimentação saudável as frituras devem passar bem longe, sabe por quê? Possuem muitas calorias, mas muitas mesmo. E quando consumidas em excesso podem elevar a pressão arterial, desenvolver doenças cardiovasculares – por conter gordura trans -, absorção de menos nutrientes dos alimentos – que se perdem na hora de fritar. Além de possuírem substâncias cancerígenas, como por exemplo, a acroleína, dentre outros fatores que prejudicam a saúde. A dica é tentar assar os alimentos e deixar a frigideira no armário, isso já fará uma grande diferença. E lembre-se: equilíbrio é segredo de alimentação saudável para emagrecer.

3 . Sal
Assim como qualquer alimento consumido em excesso, o sal também pode trazer problemas para a saúde. São alguns exemplos: hipertensão, mau funcionamento dos rins, problemas de vista, osteoporose, além de aumentar os riscos de mortes devido a parada cardíaca. Alguns dos processos biológicos que o sal contribui são: a manutenção e regulação de pressão arterial e transportar os nutrientes para as células. No entanto, quando ingerido em excesso, a contribuição será aposta.

Em sua maioria, os produtos que possuem maior quantidade de sal são os industrializados como temperos, bolachas, salgadinhos, embutidos e congelados, por isso, sempre que possível devemos deixá-los de lado do cardápio.

4. Pães
Café da tarde, pãozinho de padaria com manteiga, hmmm, já dá até água na boca. Mas como muitos já sabem, o pão branco faz o número na balança aumentar e provoca inchaço. Mas, não para por aí, ele pode também levar ao desenvolvimento de doenças como a diabetes. Mas então, como ter uma alimentação saudável sem tirar o consumo de pães do cardápio? Primeiro fator é fugir da farinha branca e optar por produtos com maior quantidade de trigo integral, aveia, centeio, linhaça, etc.

Importante: assim como no caso dos refrigerante zero açúcar ou light é preciso tomar cuidado com a ideia de que “se é pão integral, está tudo bem”. Outra alternativa é mesclar o consumo de pães diários com outros alimentos, tais como: aveia, granola, biscoitos saudáveis, dentre outros.

5. Açúcar
É o maior vilão quando o assunto é alimentação saudável. A ingestão do açúcar em excesso está totalmente ligada ao aumento de peso, colesterol, obesidade, gastrite, pressão alta, diabetes, acnes e etc. O grande problema é que o açúcar estimula a produção de dopamina, hormônio liberado pelo cérebro que dá sensação de prazer e bem estar, e é exatamente por isso que resistir a um docinho é muito difícil.

A dica neste caso é apostar no “açucares bons” para o organismo, como por exemplo, o que compõem as frutas, a frutose. Banana, maçã, uva, morango tendem a ajudar a saciar aquela vontade de comer um doce no fim da tarde, e a melhor parte, é que também são recheados de nutrientes como vitaminas, cálcio, potássio, betacaroteno, e etc, que ajudam o metabolismo.

6. Alimentos com conservantes
Com foco na alimentação saudável os alimentos ricos em conservantes devem ficar de lado. Mas por quê? Eles possuem o sabor alterado para ficar com mais intensidade, tem grande quantidade de sódio que favorecem o aumento da pressão arterial caso ingerido em excesso e possuem compostos que quando se unem se tornam um agente cancerígeno.
Por exemplo: o benzoato de sódio quando se une com a vitamina C, forma uma pequena quantidade de uma toxina chamada benzeno, que é cancerígena. Por conta disso, é melhor optar por alimentos mais puros e orgânicos.

 

Com a correria do dia a dia ter uma alimentação saudável é realmente um desafio diário. Por isso, alternativas como praticar esportes, dormir bem e tomar remédios manipulados com vitaminas para suprir os nutrientes que estão em falta na sua organismo fazem toda a diferença em sua vida. Faça seus exames, fale com seu médico e conte conosco da 99 Fórmulas para cotar seu remédio manipulado. Basta clicar aqui!

Gostou do nosso texto sobre alimentação saudável? Aproveite e leia também sobre os benefícios da vitamina C.

Termogênicos: um guia completo

Mais do que uma questão estética, a perda de peso também envolve diversos aspectos na saúde de um ser humano. O corpo ganha mais disposição, o coração fica mais saudável e, claro, se ganha mais qualidade de vida. Entretanto, muitas pessoas querem saber como perder peso fácil e a ajuda de suplementos manipulados sempre facilita esse processo.

Os termogênicos são consideradas excelentes alternativas e, por isso, vamos mostrar um guia completo sobre eles.
Sintetizando, esse tipo de suplemento para perder peso aumenta o consumo de calorias no organismo e ainda oferece outros benefícios para quem o toma. O caminho mais fácil para quem deseja perder peso, é gastar a energia do corpo e com os termogênicos, essa tarefa fica mais fácil. Confira a seguir, um pouco mais sobre o assunto.

O que são termogênicos?

Termogênicos são suplementos alimentares que queimam gordura. Em geral, estimulam Sistema Nervoso Central de forma sistêmica, com ação de aumento do metabolismo e diminuição do apetite, impedindo a liberação da leptina e aumentando a saciedade.
Dessa forma, a pessoa se sente muito mais disposta ao realizar atividades físicas, garantindo um desempenho melhor durante treinos, corridas e outros exercícios.

Quais são os Benefícios do Termogênico?

Quem acha que a função dos termogênicos é apenas a transformação de calorias da gordura corporal e da alimentação em energia está um pouco enganado. Esse tipo de suplemento também auxilia na definição de massa, tornando os músculos mais fortes e resistentes. O consumo de trabalho também auxilia na redução de apetite, fazendo a pessoa se alimentar de forma adequada e, assim, não ter problemas com o excesso de peso.
O metabolismo também sente algumas vantagens do suplemento. Nesse sentido, todas as funções do organismo são favorecidas, garantindo mais vitalidade a quem o consumo. Para fazer aquele treino bacana, tomar a fórmula ideal alguns minutos antes garante mais energia durante os exercícios, promovendo um bom desempenho e auxiliando em uma performance melhor.
Os termogênicos aceleram o metabolismo, geram mais energia para a realização dos exercícios físicos e ajudam no emagrecimento. Outras substâncias presentes nos termogênicos também promovem outros benefícios para o organismo, de acordo com a sua manipulação.

O médico especialista em nutrologia Leandro Maia, esclarece algumas dúvidas frequentes sobre e esse assunto e conta dicas de como ter o corpo malhado e o peso ideal.

Qual a função dos termogênicos no corpo?

Os termogênicos tem como principal função o aumento do metabolismo devido ao aumento da temperatura corpórea, queimando  gordura, diminui o apetite e aumentam também a disposição no treino.

Quando tomar termogênico?

Os termogênicos podem ser usados ao acordar e no pré treino. Devem ser evitados tomar no período noturno, pois atrapalha no sono. Por esse motivo, é fundamental a dieta de quem consome esses suplementos, deve ser prescrita por um especialista, que garantirá o uso de forma adequada, sem prejudicar outras atividades.

É possível colocar alimentos termogênicos na dieta? Como?

Alguns alimentos são excelente termogênicos naturais, especialmente bebidas ou especiarias. Canela, gengibre, chá verde e café são alguns exemplos que podem ser adicionados na dieta.

Termogênicos manipulados

Para auxiliar na perda de peso, muitas pessoas procuram outras alternativas além dos suplementos comuns. De acordo com o médico os suplementos manipulados são sempre prescritos por profissionais que entendem da área e de acordo com o organismo de cada paciente. Dessa forma, é possível obter-se um resultado mais satisfatório e uma ação mais eficaz.
O Nutrólogo também esclarece outras dúvidas sobre o assunto e explica um pouco mais sobre esse tipo de suplementação.

Quais são os termogênicos manipulados?

Existem muitos termogênicos manipulados, como cafeína, yohimbe, capsiate, citrus aurantiun, chá verde, teofilina, taurina entre outros.

1

Cafeína

Estudos revelam que a cafeína é uma substância com baixa capacidade de indução a dependência. No universo esportivo, é utilizada como agente termogênico, devido sua rápida absorção no organismo e ação no sistema nervoso central.

A cafeína encontrada nos alimentos industrializados é relativamente baixa e, por esse motivo, a manipulação se torna uma ótima alternativa. Seu consumo favorece o processo de contração muscular e aumenta a oxidação de gordura, além de evitar a fadiga durante os exercícios.

2

Yohimbe (Ioimbina)

Outro termogênico muito utilizado por quem quer perder peso rápido e escolhe a manipulação como alternativa é a yohimbe. Utilizada principalmente por homens, devido a sua função afrodisíaca, a substância é uma das mais poderosas na transformação das células de gordura em energia.

A yohimbe também auxilia no processo de hipertrofia muscular, auxiliando na definição e na dilatação dos vasos sanguíneos. Ainda podemos destacar benefícios como combate ao estresse, ação antioxidante e aumento de produção de energia.

3

Chá verde

O chá verde é um dos termogênicos mais conhecidos e utilizados. As propriedades da erva evitam a paralisação de gordura corpo, promovendo a produção de energia e a queima de calorias pelo próprio organismo. Uma das substâncias presentes no chá verde é a cafeína, que como falamos, é um dos mais poderosos agentes termogênicos.

O manipulado também promove a sensação de saciedade, auxiliando na redução de consumo de produtos calóricos e, assim, controlando o excesso de peso. Além disso, a ingestão de chá verde traz benefícios para o colesterol, pressão arterial e a saúde cerebral.

4

capsiate

Capsicum annuum é uma planta herbácea cujo fruto apresenta odor característico e sabor ligeiramente adocicado, possui em sua composição importantes capsinóides, como o Capsiate.
O Capsiate é um análogo sem ardência, que aumenta a termogênese e o consumo de energia corporal, promovendo o metabolismo energético e a diminuição do acúmulo de gordura corporal.
Estudo realizado do Capsiate sobre o comportamento alimentar e o consumo de energia mostrou que a adição de Capsiate no café da manha rico em carboidratos diminuiu significativamente o desejo de comer e a fome antes do almoço.
As propriedades do Capsiate são: Aumento da saciedade, Auxilia na perda de gordura abdominal, Auxílio na redução do colesterol ruim, Redução da vontade de comer doces.
5

Citrus Aurantiun

Citrus Aurantium ou Advantra Z é um fitoterápico obtido através da laranja amarga originária da Ásia.
Ele tem sido usado há muito tempo pela medicina tradicional chinesa como inibidor de apetite e emagrecedor por possuir uma substancia chamada Sinefrina que estimula o sistema nervoso central.
6

Teofilina

A taurina é um dos aminoácidos não essenciais. Ela apoia o desenvolvimento neurológico e ajuda a regular o nível de água e sais minerais do sangue. Ela contribui no desenvolvimento do sistema nervoso, desintoxica o organismo facilitando a excreção de substâncias pelo fígado que não são mais importantes ao corpo. Fortalece e aumenta a força das contrações cardíacas e protege as células do coração. Tem ação antioxidante, combatendo os radicais livres que danificam as membranas celulares. É um estabilizador da membrana e modulador da homeostasia do cálcio. Tem clara relação com o desenvolvimento pré-natal e pós-natal dos sistemas nervoso e visual.

Quais as vantagens dos termogênicos manipulados?

As vantagens dos termogênicos manipulados é ser prescrito com uma dosagem especial  dos produtos, gerando menos efeito colateral e podendo individualizar cada paciente.

Termogênicos manipulados são mais baratos?

Geralmente sim, porém depende da quantidade de produtos e da dosagem de cada termogênico usado na fórmula.

Termogênicos manipulados são mais saudáveis?

Sim, pois correm risco de menos efeitos colaterais.

Quais as diferenças dos termogênicos manipulados e industrializados?

Os termogênicos manipulados são prescritos por um médico ou nutricionista, são feitos em farmácia de manipulação e pode ajustar a dose de cada suplemento.

Quais são os termogênicos naturais?

Entre termogênicos naturais temos: cravo da Índia, canela, semente de cominho, ginseng, cafeína, chá verde, chá mate, chá de hibisco, gengibre, pô de guaraná, cardamomo, pimenta entre outros. Todos eles aumentam o metabolismo, elevando a temperatura corporal.

Os termogênicos podem causar efeitos colaterais?

Sim. Dores de cabeça, palpitações, aumento da pressão arterial, alteração do humor levando a euforia, náuseas, diarreia e flatulência.

Existe idade certa para se tomar termogênico?

Se for termogênico manipulado, a partir dos 15 anos é seguro, sempre com acompanhamento profissional.

Qual a diferença entre termogênico e o remédio para emagrecer?

O termogênico aumenta o metabolismo devido a elevação de temperatura corpórea levando a um emagrecimento, os remédios para emagrecer normalmente são para tirar apetite.

Termogênico emagrece rápido?

Tudo depende da dieta e da quantidade de atividade física associado ao uso dos termogênicos.

Quanto tempo leva para o termogênico agir no organismo?

Normalmente entre 30 minutos a 1 hora após a ingestão.
É muito importante lembrar que o consumo de suplementos manipulados como os termogênicos deve ser feito por um médico especialista ou um nutrologista. Dessa forma, é possível agilizar o processo de perda de peso e garantir mais saúde e bem estar.

Eu sou um bloco de texto. Clique no botão Editar (Lápis) para alterar o conteúdo deste elemento.

4 benefícios da Vitamina D para sua saúde – Confira!

A falta de vitamina D se tornou uma das deficiências mais comuns da sociedade moderna. Afeta cerca de 1 bilhão de pessoas levando a maioria delas à suplementação da vitamina por meio medicamentos. Ter consciência dos 4 benefícios da Vitamina D para a saúde poderá te impulsionar a ter cautela com sua alimentação e hábitos. Confira!

A falta de vitamina D se tornou uma das deficiências mais comuns da sociedade moderna. Afeta cerca de 1 bilhão de pessoas levando a maioria delas à suplementação da vitamina por meio medicamentos.

Ter consciência dos 4 benefícios da Vitamina D para a saúde poderá te impulsionar a ter cautela com sua alimentação e hábitos. Confira!

Por meio de banhos de sol de 15 a 20 minutos ao dia,  o corpo produz a Vitamina a partir do colesterol, quando a pele é exposta aos raios ultravioletas. Além da exposição ao sol, ela pode ser encontrada em certos alimentos como peixes gordurosos, óleo de fígado de bacalhau e cogumelos secos.

Confira os 4 benefícios da Vitamina D para sua saúde:

1 – Fortalecimento dos Ossos

A vitamina D é necessária para a absorção de cálcio pelos ossos e responsável pelo fortalecimento dos dentes. Indivíduos com deficiência de vitamina D chegam a perder cerca de 30% de cálcio proveniente de dieta e podem desenvolver raquitismo no caso de crianças e osteoporose em adultos.

2 – Controle da Função Cardíaca e Diabetes

Na última década, a comunidade científica descobriu inúmeras evidências de que a vitamina D pode exercer importantes papéis na regulação do sistema renina-angiotensina (SRA), nos mecanismos de secreção e sensibilidade à insulina e na atuação das citocinas inflamatórias, além de ações cardíacas e vasculares diretas.

A deficiência poderá interferir na saúde do coração e nos níveis de açúcar no sangue.

3  – Estimulação do Sistema Imune

Diversas células no nosso sistema imunológico como os linfócitos, possuem receptores de vitamina D, que irão atuar no fortalecimento do sistema e auxiliar na prevenção de doenças. A falta desta vitamina derruba nossa imunidade e facilita nosso sistema a contrair mais doenças.

4 – Saúde Capilar

A queda de cabelo muitas vezes é atribuída ao estresse. Em casos graves, a perda de cabelo pode estar a associada a uma doença ou a falta de vitaminas, sendo uma delas a própria vitamina D.

Os sintomas da falta de Vitamina D são sutis, estar alerta para esses sintomas pode te ajudar a evitar pagar o alto preço cobrado por uma deficiência grave de Vitamina D. Os sintomas mais frequentes são: Depressão, Problemas nos ossos, Doenças do coração,  Risco na gravidez,  Diabetes, diminuição da força muscular, doenças autoimunes, câncer, autismo, gripes e resfriados e até risco de morte prematura.

Se você desconfia que pode ter uma deficiência de vitamina D, é importante que converse com o seu médico e examine os seus níveis sanguíneos.

Você pode confiar no 99fórmulas para garantir as melhores cotações dos seus medicamentos manipulados, veja As Vabtagens em Manipular Medicamentos
Caso você queira fazer uma cotação de vitamina D visite o site da 99fórmulas

4 Beneficios Da Vitamina D

Vitamina C: um aliado para nossa saúde

V ocê já ouviu falar sobre o ácido ascórbico? O ácido ascórbico, mais conhecido como vitamina C é uma vitamina hidrossolúvel que participa de diversos processos no nosso organismo, desde fornecer suporte ao nosso sistema imunológico a induzir a síntese de colágeno.

Então, aqui estão 4 benefícios da vitamina C para o nosso organismo:

Suporte Ao Sistema Imunológico

A vitamina C é um dos melhores antioxidantes que há. Devido a isto, ela é capaz de neutralizar os radicais livres produzidos pelas células do sistema imune ajudando-o a ter um melhor desempenho e estimulando a produção de glóbulos brancos no sangue.

Contra Doenças Cardiovasculares

Nossa queridinha trabalha contra o acúmulo de colesterol nas artérias, de modo que contribui para a diminuição de doenças cardiovasculares como hipertensão arterial, arteriosclerose, entre outras.

Combate Ao Stress

A vitamina C é capaz de provocar a diminuição nos níveis de cortisol, hormônio que é estimulado quando estamos estressados e, que é responsável por muitos efeitos nocivos no nosso organismo.

Xô Envelhecimento!

A função antioxidante da vitamina C também trabalha a favor da nossa beleza! Usar um creme ou sérum com vitamina C ajudará a diminuir os sinais de idade, prevenir o aparecimento de rugas e manchas na pele. Além disso, esta vitamina C instiga a produção de colágeno na nossa pele. Melhor anti-idade não tem!

Agora que você já conhece os benefícios que a vitamina C pode trazer para a sua saúde, converse com o seu médico e depois venha para o 99 Fórmulas cotar os seus medicamentos manipulados. Nós temos as melhores farmácias e cotações em apenas um clique!

Visite Nosso Site